Startup e Trabalho Remoto Combinam?

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive
 

Startup Há algumas semanas eu estava conversando com um jovem empreendedor, o Murilo Maciel Curti, da Noots, e ele me contou que por enquanto tanto ele quanto o sócio, Oswaldo Salzano, trabalham remotamente. A startup não tem um escritório fixo e suas reuniões são feitas em locais públicos, como as cafeterias Starbucks. Por enquanto, o trabalho remoto está dando certo e eles pensam em montar um escritório apenas quando receberem investimento para o negócio.

 

Mas, startup e trabalho remoto sempre combinam? Tudo depende. No caso da Noots, ainda não há funcionários contratados e os perfis dos dois são complementares: Curti fica com a programação enquanto Salzano cuida do marketing digital e do design. Num post recente no Young Entrepreneur Council, a empreendedora Allie Siarto, da Loudpixel, falou sobre como o trabalho remoto funciona na empresa que ela e o marido criaram enquanto moravam em cidades diferentes e deu cinco dicas preciosas para quem está na mesma situação.

- Faça reuniões com todos os membros da equipe com frequência – Allie afirma que tem reuniões semanais com cada funcionário por Skype sempre nos mesmos dias e horários, para falar sobre os projetos e seu progresso;

- Compartilhe listas de tarefas virtualmente – A empreendedora diz que sempre que sua empresa tem uma série de projetos para entregar, ela faz uma lista de tarefas e compartilha com todos. Conforme os funcionários se responsabilizam pelas tarefas, elas somem da lista e sempre é possível saber o que ainda precisa ser feito. Trabalhar assim evita trocar infinitas de e-mails e dá uma visão geral do que cada um está fazendo;

- Crie um meio de dizer que você está trabalhando – Na Loudpixel, o sinal de que a pessoa está trabalhando é ficar online num programa de mensagens (no caso, a empresa usa o HipChat, pois já teve problemas com o Skype). Assim eles mantêm a camaradagem de um ambiente de trabalho, compartilham ideias, links interessantes para o trabalho e fazem perguntas;

- Faça hangouts para a equipe – Allie diz que uma ferramenta que a empresa começou a usar recentemente é o hangout, do Google+. Semanalmente eles gravam videocasts curtos sobre tópicos relacionados à empresa, o que tem sido uma ótima experiência, pois ajuda a manter todo mundo a par das novidades da área;

- Não se esqueça de encontrar seus funcionários pessoalmente – Se for possível, comece trabalhando num escritório antes de passar para o home office. Se as pessoas estiverem em cidades diferentes, tente viajar regularmente para encontrá-las. Nem todo mundo se dá bem trabalhando sozinho. O melhor é testar antes para se certificar de que todos os funcionários que fazem home office estão habilitados para isso.

 

Fonte: Papo de Empreendedor

 

Destaques

Índices Financeiros

Em tempo real.
I n v e s t i n g . c o m

Bolsas de Valores
Commodities
Principais Ações
Resultados Divulgados

Cotação Real (R$)
Criptomoedas

Calendário Econômico

Comunidade Almes

revistas em quadrinhos.
digitalizadas e gratuitas.
♥ ♥ ♥ diversos modelos...!!!


Representante, entre aqui!